NO DIA 30 DE SETEMBRO ACONTECERÁ UMA FESTA EM HOMENAGEM A TODOS OS PASTORES DE LARANJEIRAS. PARTICIPE!!!

30/11/2010

Preso no Rio chefe do tráfico da Favela de Manguinhos

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu Daniel Luiz Soares, conhecido como Daniel Papai
Ele é acusado de ser o chefe do tráfico de drogas da Favela de Manguinhos, na zona norte da capital fluminense.
Soares havia fugido da comunidade após o início dos confrontos com a polícia e foi localizado escondido em Maria Paula, próximo a Pendotiba, em Niterói.
Agentes da 6ª Delegacia de Polícia (Cidade Nova) trocaram tiros com Daniel quando foram efetuar a prisão.
Ele foi baleado e levado para o Hospital Estadual Azevedo Lima, em Fonseca, Niterói, e não corre risco de morrer.(Yahoo Notícias)

Use o 13º salário para sair do vermelho

Por Rogério Ferro

Pela lei, primeira parcela do salário extra cai no dia 30/11; consumidores vão usar o dinheiro para pagar dívidas 
Vence no próximo dia 30 de novembro a data limite para os empregadores pagarem a primeira parcela do 13º salário. Neste ano, o crescimento das taxas de emprego levaram os brasileiros às compras e ao consequente aquecimento do mercado interno. Mas, nem tudo que foi comprado está pago, por isso, especialistas recomendam que, antes de sair comprando mais, o melhor é pagar das dívidas e fazer um planejamento financeiro para 2011.
Segundo um estudo da Associação Nacional dos Executivos de Finanças Administração e Contabilidade (Anefac), divulgado na primeira quinzena de novembro, os consumidores brasileiros pretendem mesmo conter os gastos: 57% deles querem usar o 13º salário para pagar dívidas.
“O melhor é usar esse dinheiro para pagar aquelas dívidas que embutem encargos maiores, como o cartão de crédito rotativo, que tem juro mensal médio de 10,69%, e o cheque especial, que gira em torno de 7,47% ao mês”, recomenda o economista Miguel Ribeiro de Oliveira, conselheiro da Anefac e coordenador do levantamento. “É uma ótima oportunidade para começar o novo ano sem grandes preocupações financeiras”, afirma.
Segundo a pesquisa, os entrevistados declararam que o 13º salário será destinado para: cobrir as contas em aberto do cartão de crédito (38%), cobertura do cheque especial (35%) e pagamento de parcelas atrasadas de financiamentos (9%).
 

Planejamento 
Um estudo realizado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), divulgado na terça-feira (3/11), revela que 51,4% das famílias brasileiras estão endividadas. Para Elaine Toledo, consultora do Akatu e autora do livro Saiba mais para gastar menos, a falta de planejamento nas compras é a principal causa dos gastos desnecessários e endividamentos. “Por isso, para quem ainda não se planejou, deve começar agora mesmo a definir os destinos do seu 13º”, alerta ela.
“Os que estão com o saldo positivo devem lembrar-se das despesas que geralmente chegam bem no começo do ano e se programar para pagar contas como IPVA e IPTU. Para os que têm filhos vale pensar nas matrículas, além de material e uniforme escolar”, explica Elaine. 
Se essas despesas couberem tranquilamente na faixa salarial da família, antes de ir às compras, avalie os impactos do seu consumo e pense se realmente a compra é necessária. (Fonte: Akatu - 26/11/2010)

29/11/2010

Emerson Maciel, um passo rumo a Academia de Letras e ao Romantismo.


Conheci o Emerson Marciel numa conjuntura política juvenil que fazia em laranjeiras. O mesmo foi apresentado por Joalison – também um membro da juventude e de grêmios estudantis em laranjeiras. De lá pra cá percebia no mesmo talento que nos surpreendia a exemplo das suas idéias e do modo de como lhe dar com elas. Participávamos juntos do movimento estudantil e logo ele foi apresentando poema e nos convidou para a Barra dos Coqueiros – uma cidade que fica ao lado de Aracaju. Foi quando vi o mesmo lá em um palco grande produzido pela prefeitura inspirando um poema que concorria com vário outro poeta até mesmo profissional. Não tinha noção ainda, mas começava achar que o rapaz teria nele mesmo um talento inquestionável. Era uma vocação imaginária na qual todos os poemas citados pelo mesmo já mostravam a sua capacidade e qualidade do que falava ou mesmo escrevia. É como ele mesmo diz: “sou poeta, mesmo não querendo ser....” Nesse mesmo período em que andávamos juntos, estava interessado por uma garota e ele mim passou vários poema que dizia profundamente o que queria falar pra ela. Eram palavras que soavam melhor através do poema. E tive um grande suporte literário para ganhar a garota. Obs.: Ganhei a garota e fiquei com ela por um pouco mais de 4 anos.
Entre eu e Emerson, tivemos alguns problemas que nos distanciaram, mas sempre acreditei na cultura desse jovem. 
O problema é que gente como Emerson, Nogueira, o Koka, Mérito e tantos outros da cultura - que em alguns casos representam até a cultura sergipana não tem apoio local, e ficam sempre na mesma. São promovidos fora, em outros estados e até em outros paises, mas em Laranjeiras ficam longe dessa realidade.
Falando em promoção vimos no site do Bareta, link esse enviado por nosso amigo Koka (através de seu orkut) – que também é poeta e filho de João Sapateiro um símbolo da cultura literária sergipana, uma matéria belíssima a respeito do Emerson que estamos falando. Ela diz que ele foi eleito para a Academia de Letras da cidade mineira Teófilo Otoni e a cerimônia de posse está prevista para o dia 11 de dezembro. A matéria foi escrita por Luciana Novais, professora do curso de Letras nas Faculdades Pio Décimo e cita ainda que na posse deverá ter a presença de vários escritores de todo o Brasil.
Revendo o site do Bareta podemos notar a biografia do “jovem escritor”, como assim fala Luciana Novais. Entre tantas participações Emerson é realmente um exemplo para o enriquecimento da cultura de Laranjeiras.
Tenho alguns escritos do mesmo passados pra mim há uns 6 anos onde uma de suas poesias mim fez aproximar-se da minha pretendida na época, e que diz assim:
Morena 
Morena meu doce encanto
Sem você nada alcanço
Morena meu bem querer
Com você quero viver

Morena vou chorar
Se acaso te perder
Morena vou sofrer
Se você não me querer

Não quero te esquecer
Deus me livre te perder
Morena sem você
Minha vida é sofrer

Sou capaz de tudo
Para você me aceitar
Não estou confuso
Pois minha vida é te amar

Esse poema ele mim passou quando já estava próximo de realizar meus sonhos que era tê-la em meus braços. Na verdade essa jovem que tanto pretendia ter, tinha um apelido de Morena. E veja outro verso que o poeta Emerson mim passou para conquistar o coração dela:
Menina Morena
Menina Morena não consigo disfarçar
Disfarçar que sou um cara que te ama
Que na verdade não te engana
E faz de tudo para te conquistar

Não consigo esconder
Que sou louco por você
E por você
Levo a minha vida a sofrer

Não tenho nada pra dizer
E muito menos pra esconder
Mas na verdade
Te amar é um prazer

Sei que não sou um gênio
Um gênio em escrever
Mas de uma coisa estou certo
Sou um poeta que precisa de você

Nessa época eu era realmente muito louco por essa menina e fazia tudo por ela e uma coisa que não sabia era enganar, como fala o poeta “... Que na verdade não te engana...”.
Numa outra passagem em busca da conquista da pessoa amada ele mim aparece com outro poema. Tudo isso para que eu a conquistasse de verdade!
Discípulo do amor
Sou apenas um discípulo
Um discípulo do amor
Carrego no peito uma dor
Uma dor que se chama amor

Não sei onde estou
E muito menos quem sou
Não sei quem
Mas estou amando alguém

Sou apenas um discípulo
E um poeta encantador
E só levo o tempo a falar no amor

Não sei onde estou
Porque não tenho amor
E sem amor
Eu nada sou

Na minha última oportunidade, marquei uma reunião com todos eles, Joalisson, Emerson entre outros jovens e como sem falta ela, a amada Morena – citada nos versos. Nessa reunião em alguns momentos olha pra ela fazendo meus olhos penetrarem em seus olhares e assim o poete escreveu:

Vivo por você
Ao ver seus lindos olhos
Meu coração adorou
Não dá pra acreditar
Mas você mim encantou

Seu sorriso lindo
Me fez enlouquecer
Não consigo pensar em nada
A não ser em você

Você é minha vida
O encanto dos meus poemas
Foi bom te conhecer
E é claro valeu apenas

Só vivo por você
Por você sei viver
Dos seus olhos lindos
Não quero me esquecer

Foi a partir daí que as coisas começaram a andar e com apenas poucos dias, a jovem amada que tanto queria já estava fazendo parte da minha vida. Nos namoramos por mais de 4 anos e “foi muito bom enquanto durou”. Esse último poema foi muito útil para eu e ela.

Toda essa passagem foi para mostrar o quanto o Emerson Marciel foi importante na minha vida e é através de suas literaturas que servem não somente pra mim, mas para todas as pessoas que desejam conquistar um coração solitário.
É uma pena saber que nossa região, principalmente Laranjeiras, não dá tanta importância a pessoas como ele, e tantos outros poetas, artistas-plásticos, escultores e etc.
Carlos Alberto – editor do Folha da Cidade

26/11/2010

Mas o que está acontecendo no Rio de Janeiro e por que tudo isso!

Por que uma gangue de marginais tomaria uma decisão partindo do nada? Não se sabe tudo, mas aos poucos sabe-se que o Rio de Janeiro passa por uma situação de Guerra Civil onde gangues fortemente armadas enfrentam a polícia. 
Segundo os noticiários o comando para a gangue agir partiu do presídio onde os mesmos começaram queimando ônibus e incendiando carros e etc. Mas por que tudo isso? Como podemos perceber na televisão, são muitos homens armados de igual modo a polícia e que comandam uma zona ou vila nas favelas do Rio de Janeiro e que não temem a morte e fazem isso justamente para intimidar a polícia e garantir o comando em seus locais em que habitam. 
O poder de fogo deles é grande e se organizam com muita rapidez dando parcer que agem da mesma forma que a polícia age. Somente carros de tanque eles não tem, mas as demais armas poderíamos dizer, tem ainda melhor que a própria polícia. Sentem-se fortes e agem segundo instruções dos seus líderes do PCC. Mas a polícia criou o UPP - Unidade de Polícia Pacífica justamente para garantir as comunidades das favelas mais segurança e parece ter dado certo uma vez que a própria comunidade contribui com a polícia e dessa vez não está sendo diferente. Ainda não se sabe é por que os presidiários tem tantos aparelhos de comunicação em sua prisões já que se faz tanta revista nas pessoas que entram nos presidios e olha, até nos presidios de segurança máxima tem a mesma deficiencia que os demais, só muda o nome de simples presídio para presídio de segurança máxima. 
Vamos torcer que o crime organizado diminua porque é difícil falar que vai acabar, mas que o(s) governo(s) tome frente a qualquer situação de vândalos, intimide as ganges antes delas agirem! Em muitos caso quem paga o "pato" e quem não tem nada com tal situação. Não é nem marginal, nem polícia, é o povo!

Veja o que o presidente Lula fez e o povo não sabia!

Esse Decreto não foi divulgado na imprensa e ninguém sabe por que?????
Que beleza ser Presidente !
Saiu no Diário Oficial da União.  O Lula já está preparando a saída dele e garantindo o conforto da d. Marisa e de alguns companheiros, é lógico! Tudo para não perder o atual padrão de vida! Nos discursos dele, nada disso é comentado... Quer saber pra onde vai seu Imposto de Renda?
O próximo Presidente da República poderia revogar este decreto? Será que pelo bem da Nação ele faria isso?
Decreto nº 6.381, De 27 de  Fevereiro de 2008.     
O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84, inciso IV, da Constituição, e tendo em vista o disposto na Lei no 7.474, de 8 de maio de 1986,
DECRETA:
Art. 1o   Findo o mandato do Presidente da República, quem o houver exercido, em caráter permanente, terá direito:
I - aos serviços de quatro servidores para atividades de segurança e apoio pessoal;
II - a dois veículos oficiais, com os respectivos motoristas; e
III - ao assessoramento de dois servidores ocupantes de cargos em comissão do Grupo-Direção e Assessoramento Superiores - DAS, nível 5.
Art. 2o  Os servidores e motoristas a que se refere o art. 1o serão de livre escolha do ex-Presidente da República e nomeados para cargo em comissão destinado ao apoio a ex-Presidentes da República, integrante do quadro dos cargos em comissão e das funções gratificadas da Casa Civil da Presidência da República.
Art. 3o  Para atendimento do disposto no art. 1o, a Secretaria de Administração da Casa Civil da Presidência da República poderá dispor, para cada ex-Presidente, de até oito cargos em comissão do Grupo-Direção e Assessoramento Superiores - DAS, sendo dois DAS 102.5, dois DAS 102.4, dois DAS 102.2 e dois DAS 102.1.
Art. 4o  Os servidores em atividade de segurança e os motoristas de que trata o art. 1o receberão treinamento para se capacitar, respectivamente, para o exercício da função de segurança pessoal e de condutor de veículo de segurança, pelo Departamento de Segurança do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República.
Art. 5o  Os servidores em atividade de segurança e os motoristas aprovados no treinamento de capacitação na forma do art. 4o, enquanto estiverem em exercício nos respectivos cargos em comissão da Casa Civil, ficarão vinculados tecnicamente ao Departamento de Segurança do Gabinete de Segurança Institucional, sendo considerados, para os fins do art. 6o, inciso V, segunda parte, da Lei no 10.826, de 22 de dezembro de 2003, agentes daquele Departamento.
Art. 6o  Aos servidores de que trata o art. 5o poderá ser disponibilizado, por solicitação do ex-Presidente ou seu representante, porte de arma institucional do Departamento de Segurança do Gabinete de Segurança Institucional, desde que cumpridos os seguintes requisitos, além daqueles previstos na Lei no 10.826, de 2003, em seu regulamento e em portaria do Ministro de Estado Chefe do Gabinete de Segurança Institucional:
I - avaliação que ateste a capacidade técnica e aptidão psicológica para o manuseio de arma de fogo, a ser realizada pelo Departamento de Segurança do Gabinete de Segurança Institucional;
II - observância dos procedimentos relativos às condições para a utilização da arma institucional, estabelecidos em ato normativo interno do Gabinete de Segurança Institucional; e
III - que se tratem de pessoas originárias das situações previstas no art. 6o, incisos I, II e V, da Lei no 10.826, de 2003.
Parágrafo único.  O porte de arma institucional de que trata o caput terá prazo de validade determinado e, para sua renovação, deverá ser realizada novamente a avaliação de que trata o inciso I do caput, nos termos de portaria do Ministro de Estado Chefe do Gabinete de Segurança Institucional.
Art. 7o  Durante os períodos de treinamento e avaliação de que tratam os arts. 4o e 6o, o servidor em atividade de segurança e motorista de ex-Presidente poderá ser substituído temporariamente, mediante solicitação do ex-Presidente ou seu representante, por agente de segurança do Departamento de Segurança do Gabinete de Segurança Institucional.
Art. 8o  O planejamento, a coordenação, o controle e o zelo pela segurança patrimonial e pessoal de ex-Presidente caberá aos servidores de que trata o art. 1o, conforme estrutura e organização própria estabelecida.
Art. 9o  A execução dos atos administrativos internos relacionados com a gestão dos servidores de que trata o art. 1o e a disponibilidade de dois veículos para o ex-Presidente serão praticadas pela Casa Civil, que arcará com as despesas decorrentes.
Art. 10.  Os candidatos à Presidência da República terão direito a segurança pessoal, exercida por agentes da Polícia Federal, a partir da homologação da respectiva candidatura em convenção partidária.
Art. 11.  O Ministro de Estado da Justiça, no que diz respeito ao art.. 10, o Ministro de Estado Chefe do Gabinete de Segurança Institucional, no que concerne aos arts. 4o, 5o, 6o e 7o, e o Secretário de Administração da Casa Civil, quanto ao disposto nos arts. 2o e 9o, baixarão as instruções e os atos necessários à execução do disposto neste Decreto..
Art. 12.  Este Decreto entra em vigor na data da sua publicação.
Art. 13.  Revoga-se o Decreto no 1..347, de 28 de dezembro de 1994.
Brasília, 27 de fevereiro de 2008; 187o da Independência e 120o da República.
LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA
Tarso Genro
Jorge Armando Felix

25/11/2010

Assembléia Legislativa do Estado de Goiás concede medalha de honra ao mérito ao Presidente Nacional do PS

A Assembléia Legislativa do Estado de Goiás,  promoveu no dia 09 de agosto de 2010, sessão especial em homenagem ao dia do Advogado, com a entrega da Medalha de Mérito Legislativo Pedro Ludovico Teixeira a diversos advogados que prestaram relevantes serviços ao Estado, que contribuem para o desenvolvimento econômico e social do Estado de Goiás.
Entre os homenageados está o Advogado Procurador Previdenciário do  Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Aparecida de Goiânia – GO., e Presidente Nacional do Partido Social - PS, Dr. Epitácio Barbosa dos Reis.
A Medalha do Mérito Legislativo Pedro Ludovico Teixeira, instituída pela Lei nº 7.460, de 29 de agosto de 1995, é a condecoração máxima concedida pelo Poder Legislativo Goiano.
Somente são merecedoras desta honraria as pessoas que, reconhecidamente, prestam ou prestaram relevantes serviços ao Estado, colaborando na busca do aprimoramento das atividades desenvolvidas em defesa de Goiás. A medalha faz alusão ao ex-governador Pedro Ludovico Teixeira, fundador da capital goiana e é outorgada anualmente, em sessão solene, somente para dois nomes escolhidos depois da aprovação em plenário. 
Com um currículo impecável e mais de 30 anos dedicados ao Estado de Goiás, o Dr. Epitácio Barbosa  é formado em Direito pela Universidade Paulista -  UNIP,  Pós-graduado em Direito Previdenciário,  Direto Empresarial e Lato Sensu em Docência Universitária. 
Na foto acima da esquerda para a direita Pr. Jorge, Eliseu Gonçalves, Srta. Keia, Henrique Machado, Pr. João Bosco, Dra. Nilva esposa do homenajeado,  Dr. Epitácio Barbosa, Sra. Neide Alves, Srta. Grazyelle Italita, Sra. Inêz Torres, Srta. Debora Torres e Sra. Moema. (http://www.partidosocial.org)

Alerta para ação de golpistas

Associação de aposentados e bancos orientam atenção ao sacar benefícios do INSS Rio - Em meio a ameaças na área de segurança pública e em tempos de pagamentos adiconais de fim de ano, aumenta o risco de ação de golpistas contra aposentados. Hoje o INSS começa a pagar a segunda metade do 13º salário a quem recebe o mínimo. São R$ 255 nas mãos e é preciso ter cuidado antes e depois de fazer o saque. Confira no quadro abaixo dicas para não se tornar alvo de pessoas mal intencionadas. Os primeiros a embolsar o abono de Natal serão pensionistas e aposentados com matrícula terminada em 1. Idosos, que muitas vezes têm dificuldade para se movimentar e de lidar com os terminais de auto-atendimento, são vítimas mais vulneráveis, mas qualquer cliente bancário pode correr riscos. O vice-presidente da Associação dos Aposentados e Pensionistas da Previdência Social no Estado do Rio de Janeiro (Asaprev), Helio Guimarães, lembra que o golpe da “saidinha de banco” ainda ocorre com frequência. “Tem aposentado que facilita muito no banco, sai contando dinheiro na rua. Tem que evitar chamar atenção”, recomenda. O risco é que algum bandido perceba que a vítima potencial carrega dinheiro e faça o assalto. 

GOLPES 

Outro problema recorrente são golpes por telefone em que a quadrilha oferece vantagens, como liberação do limite de empréstimos consignados, em troca de um depósito em conta. O aposentado que cai na cascata paga e não recebe. Para evitar o perigo, deve-se evitar informar dados por telefone, principalmente endereço, nome completo e números de documentos. “Eles oferecem vantagem e dão uma conta, mas é dinheiro perdido, porque eles somem depois”, avisa Helio. 
A Febraban recomenda atenção especial no dia a dia. Recursar “ajuda” de desconhecidos, por exemplo.
 

DICAS DE SEGURANÇA
 

1. SENHA SEPARADA
Cartão e senha anotada não devem andar juntos. Memorize sua senha.
2. ESTRANHOS
Não aceite ajuda de quem não for funcionário do banco. Outro golpe conhecido é a troca dos cartões.
3. COMPANHIA
Evite ir ao banco sozinho, em especial os muito idosos.
4. CONTAGEM 
Para conferir o valor sacado, busque um canto reservado na agência. Não abra a carteira de forma escancarada. Faça com discrição.
5. MOVIMENTO 
Prefira ao banco em horários de grande movimento para chamar menos atenção para si.
6. VIOLAÇÃO 
Se o caixa eletrônico parecer quebrado, não use e, se possível, avise ao banco.
(Fonte: O Dia Online - 24/11/2010)

23/11/2010

As eleições de 2012. Já começou a corrida!

Em Laranjeiras não é de se estranhar a corrida rumo as eleições de 2012. O placar ninguém ainda sabe porque no momento político do município apenas dois candidatos reforçam prováveis candidaturas, mesmo que incubadamente mas fazem de tudo para que seus nomes estejam nos bastidores políticos de Laranjeiras como prefeituráveis. São eles: Juca de Bala (PMDB) - que é atualmente vice prefeito e Brasilina Borges (PTdoB) que é vereadora e está deixando a presidência da Câmara Municipal. 
De um lado a prefeita Maria Ione Sobral (PTB) já está articulando seu governo para o próximo ano e pensa em fazer um enxugamento político na administração ou seja, "quem não estiver com ela para as eleições de 2012, deixarão o governo", dizem os comentários. Em outros casos, afirmam os assessores da prefeita que a partir de janeiro próximo a prefeita pensa em inaugurar obras quizenalmente. Claro, se essas obras acontecerem mesmo ou o(a) candidato(a) da prefeita somarão mais um pouco de votos. Segundo uma assessora com cargo político no governo de Ione,  nos disse que estão articulando o vice de Brasilina ser o secretário de Cultura Irineu Fontes onde o mesmo já empolgado esqueceu que o cargo dele é de cultura e está dando palpites em obras andando em serviços que a prefeitura está fazendo tais como calçamento e outros para que as pessoas da cidade vejam aparecer, "já que é um marqueteiro político", diz essa assessora. Pelo que vimos aí temos então Brasilina como candidata a prefeita tendo como vice Irineu Fontes e Juca que ainda não tem vice. Neste caso de ter vice eles já estão fechando a chapa e olha que a eleição será em 2012 não em 2011 que ainda vem! A briga é entre eles mesmos ou seja, todos fazem parte do mesmo governo de Ione e de Deda. Em relação a isso como fica Paulinho da Varzinhas, que também pensa em ser novamente prefeito de Laranjeiras! Mas esse último também faz parte do governo Deda e creio eu, no final todos eles vão terminar juntos!
E a oposição não se manifestou ainda porque não tem! Quem seria: Zé Carlos? Laércio Passos - que se mandou de volta para Rosário do Catete? E por onde anda Zé Franco - seria esse também, como oposição para prefeito? Enfim, não achamos oposição para derrubar uma das prováveis chapas. Vamos torçer que mine oposição e cresça aos olhos do povo!

19/11/2010

Comentando o Gazeta do Cotinguiba edição outubro de 2010

O Gazeta do Cotinguiba do nosso amigo Plácido Lyra tem crescido e com isso chamado a atenção de várias pessoas e principalmente leitores do seu jornal. Estamos nos referindo dessa vez ao exemplar 102, de outubro de 2010. Nele foi mostrado duas matérias que despertaram a curiosidade dos vereadores de Laranjeiras (como assim é mencionado na coluna "Banco de Praça"). O texto diz o seguinte "LARANJEIRAS II: Muitos comentários dão conta de que o deputado estadual reeleito Adelson Barreto estaria de olho na prefeitura de Laranjeiras em 2012. A Câmara de vereadores reagiu indignada dizendo que o município não precisa importar político para ter prefeito". É verdade... O que acontece é que o deputado, segundo uma eleitora sua, nos disse que Adelson Barreto quando candidato a reeleição teria falado pra ela que seria candidato a prefeito por Laranjeiras se assim tivesse mais votos que os demais tais como Alexandre Sobral e Paulinho da Varzinhas Filho. Chegou a ter mais votos que o deputado estadual Paulinho da Varzinhas Filho, mas teve menos votos que Alexandre Sobral. De qualquer forma "foi um acordo mantido entre ele e o Senador Valadares", cita a eleitora na qual Adelson teria visitado sua casa. Mas o candidato Adelson Barreto não teve mais votos que todos e assim fica aí a critério das negociações dos homens fortes (Valadares e outros). Chamamos a atenção para dizer que Adelson Barreto não gastou financeiramente rios de dinheiro como teriam gastos os dois candidatos citados aqui! E por isso lhe credencia sim, pela sua popularidade de ser o próximo candidato a prefeito por Laranjeiras com boa chance de ser eleito. Mas o esquema pesado de Laranjeiras que tirou de circulação o ex-prefeito de Rosário do Catete Laercio Passos também tirará qualquer outro que provenha de fora tais como também Adelson Barreto. E isso é que gera autoridade para "os vereadores" falarem, porque sabem que em Laranjeiras a coisa gira em torno do sistema.
Outra matéria que chama a atenção é a de que o candidato ao Senado Albano Franco não acertou com a decisão de ser candidato independente, na coluna "Banco de Praça II": "ALBANO: Não deu muito certo a sua decisão de sair como candidato independente ao senado. É como se diz, político tem que ter lado, o deputado não conseguiu a vitória esbarrando numa derrota que lhe mostrou quanto errou em não ter optado por uma coligação." O autor da matéria diz que "político tem que ter lado" e isso é uma verdade! Albano pensou que estaria abafando em Sergipe a ponto de nem pedir votos para seu maior aliado, José Serra que foi candidato a presidência da República. Quebrou a cara feito! Em relação ao seu partido, o PSDB, não sabemos ainda como a coisa vai ficar, mas sem dúvida ele irá dar uma de vítima e continuará à frente do PSDB em Sergipe, razão para muitos outros filiados sairem do partido.

Cresce número de jovens no Brasil que não estuda nem trabalha

Nem estudando, nem trabalhando. Mais de dois em cada dez jovens brasileiros entre 18 e 20 anos se encontravam nessa espécie de limbo em 2009, à margem da crescente inclusão educacional e laboral registrada no país em anos recentes, informa reportagem de Érica Fraga para a Folha. Essa geração "nem-nem" (tradução livre do termo ni-ni, "ni estudian ni trabajan", usado em espanhol) representa uma parcela crescente dos jovens de 18 a 20 anos. Eram 22,5% dessa faixa etária em 2001 e 24,1% em 2009 (o equivalente a 2,4 milhões de pessoas). Nesse mesmo período, a taxa de desemprego no país recuou de 9,3% para 8,4%. Os dados são da PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) e foram levantados pelo pesquisador Naercio Menezes Filho, do Centro de Políticas Públicas do Insper. Segundo especialistas, essa tendência é resultado de várias causas. Entre elas, paradoxalmente, o maior aquecimento no mercado de trabalho --que tem acirrado a competição-- e o aumento significativo de transferências do governo para famílias de renda mais baixa.
Fonte: Folha Online - 18/10/2010

"Sua vaca!"

Chamar a atenção de empregados em público, causando constrangimento, pode ser caracterizado como assédio moral.
Recentemente, a juíza da Vara do Trabalho de São Sebastião do Paraíso (MG), Clarice Santos Castro, julgou um caso de assédio moral, no qual o tratamento dispensado aos empregados pelo gerente foi considerado abusivo, tornando o ambiente de trabalho hostil. Citando doutrina, ela lembra que, para a caracterização do dano moral, considerado como lesão na esfera da dignidade humana, em seus diversos aspectos, é preciso que haja uma conduta violadora da personalidade, isto é, lesiva ao direito subjetivo da vítima, como a honra e a imagem ou qualquer outro aspecto da sua condição humana.  Assim, como se trata de lesão de ordem imaterial, subjetiva, não se pode exigir os mesmos meios de prova utilizados para a comprovação do dano material. Afinal, como comprovar a dor, a tristeza ou a humilhação através de depoimentos, documentos ou perícia? No caso, embora a primeira testemunha levada pela empregada que denunciou a conduta abusiva do gerente tenha afirmado desconhecer qualquer ofensa dirigida a ela, acabou confirmando, por meios indiretos, o ambiente hostil, ao reafirmar o tratamento desrespeitoso contra todos os empregados, por parte do gerente da Bojo Brasil, que usava termos ofensivos e chamava a atenção dos subordinados em público. Já a segunda testemunha disse ter visto o gerente chamando a reclamante de “vaca” na frente de todos os colegas.
A juíza alerta que, nos termos do artigo 932 do Código Civil, o empregador responde pelos atos praticados por seus empregados, no exercício do trabalho, independentemente de culpa. Principalmente, se a esse empregado for dado poder diretivo, como no caso. Ela considerou que a empregada conseguiu provar que a conduta do gerente, patrocinada pela reclamada, não se resumia a um tratamento rude, mas, transformava a sua rotina de trabalho em algo opressivo e humilhante. Portanto, ficou evidenciado o abuso por parte da ré e, consequentemente, a conduta ilícita.
Assim sendo, conforme ponderou a magistrada, a prova do dano não é fundamental, por situar-se este na esfera íntima da vítima, até porque, a potencialidade ofensiva do ato praticado é indiscutível: “No caso em vertente, é induvidosa a carga dilacerante que carregam as ofensas dirigidas à obreira, ensejadoras de dor e humilhação, em outros dizeres, abalo à dignidade. Não se pode descuidar de que a ação agressiva continuada cria para qualquer trabalhador um ambiente hostil, que lhe sangra a auto-estima em gotas” , finaliza a magistrada, fixando em R$5.000,00 a indenização por danos morais a ser paga à autora. A sentença foi mantida pelo TRT, que apenas reduziu o valor da indenização para R$3.000,00. Atua em nome da autora o advogado Waldemar Jose Duarte Pimenta. (Proc. nº 01595-2009-151-03-00-1 - com informações do TRT-MG)
Fonte: Espaço Vital - www.espacovital.com.br - 11/11/2010

17/11/2010

Eleição da Câmara elege Luciano do PMDB de Laranjeiras

Luciano se elege presidente. A eleição para diretoria da Câmara Municipal de Laranjeiras elegeu  disparadamente o vereador Luciano da Várzea PMDB, tendo como vice o vereador Zé Bodega pessoa também de bastante popularidade na cidade. Foi uma eleição articulada onde manobras políticas tiravam das mãos da vereadora Brasilina o poder que tinha há vários anos como presidente daquela casa. Brasilina sempre teve um sonho de ser prefeita de Laranjeiras e trabalhava sua reeleição na Câmara para fazer manobras nas eleições de prefeito em 2012.
Ação do Vice-Prefeito. O ex-vereador e atual vice-prefeito Juca de Bala tirou esse sonho e agora se mantem forte já que também pretende ser candidato a prefeito nas próximas eleições. As articulações políticas contou também com o apoio do ex-deputado Marcos Franco (grande liderança do PMDB) e agora por dois anos a Câmara Municipal de Laranjeiras será presidida por esse partido que dará suporte político com certeza na pré-candidatura a prefeito de Juca de Bala que saiu dessa vez mais fortalecido.
Zé Bodega - vice-presidente. Chamamos a atenção para o vice dessa nova gestão que no momento de mostrar suas forças, sua popularidade, se aliou, como sempre, ficando como sombra política de algum nome! Foi assim nas eleições passadas e em 2008 quando seu nome se dava ao crédito de prefeito e ele preferiu diante de tantas opções que lhe fortalecia mais ainda para concorrer a essa eleição majoritariamente  preferiindo aliar-se a Ione Sobral. Também todo mundo esperava o vereador ser presidente da Câmara, preferiu ser vice de Brasilina e, agora não mudou nada. Lá vai ele de vice de outro vereador. O povo espera mais de Zé Bodega! Seja lá qual foi as negociações para tê-lo como vice, tudo deu certo e a queda de Brasilina se assemelha um pouco a de Zé Carlos. Parabéns a articulação política do PMDB.

16/11/2010

Haddad virá à Câmara nesta quarta para explicar falhas do Enem

Qualquer cidadão poderá encaminhar perguntas ao ministro por e-mail.
O ministro da Educação, Fernando Haddad, virá nesta quarta-feira (17) à Comissão de Educação e Cultura para prestar esclarecimentos sobre as falhas ocorridas na primeira fase do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) - inversão dos cabeçalhos de provas e erro de montagem de quase 2 mil provas amarelas, que tiveram questões repetidas ou faltando.
Qualquer cidadão poderá enviar perguntas ao ministro pelo e-mail pergunte@camara.gov.br. Os e-mails deverão conter a sigla da comissão (CEC) no campo “assunto”. Este é um novo mecanismo de participação popular nos debates do Legislativo, que está sendo inaugurado pela Agência Câmara. As perguntas serão encaminhadas aos deputados que integram a comissão, para que eles possam redirecioná-las aos convidados no momento do debate. Isso porque, de acordo com o Regimento Interno da Câmara, apenas os deputados têm direito ao uso da palavra em audiências públicas. Desse modo, caberá aos parlamentares selecionar as perguntas que serão feitas aos participantes do debate.
Abertura ao debate
Segundo o presidente da comissão, deputado Angelo Vanhoni (PT-PR), a visita foi combinada por telefone. "O ministro sempre esteve à disposição para relatar os problemas e debater soluções”, disse.
O deputado Raimundo Gomes de Matos (PSDB-CE), integrante da comissão, entende que os problemas verificados neste ano e também no ano passado (quando houve vazamento de gabarito) comprometem a credibilidade do exame. "O Enem existe para avaliar os alunos e o desempenho das escolas. A utilização do exame para dar acesso direto à universidade descaracterizou o projeto”, defendeu.
Para a deputada Maria do Rosário (PT-RS), porém, os problemas verificados no último final de semana foram pontuais e não abalam a credibilidade do Enem. "O exame é justo, democrático e universal. As dificuldades encontradas são muito localizadas", afirmou.
A audiência será realizada às 10 horas no plenário 10. (Agencia Câmara de Notícias)

Prazo para registro civil do casamento religioso poderá ser ampliado


O prazo para o registro civil do casamento religioso, bem como o de eficácia do certificado de habilitação para o casamento poderá ser aumentado de 90 para 180 dias. É o que prevê projeto de lei de autoria do senador Valdir Raupp (PMDB-RO) aprovado nesta quarta- feira (10) pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), em decisão terminativa. Ao justificar a proposta (PLS 215/09), o senador Valdir Raupp disse que o prazo de 90 dias foi previsto no Código Civil de 1916 e serviu às circunstâncias do século passado. No entanto, em sua avaliação, essa prescrição “se mostra injustificável no Código Civil de 2002”. A relatora da matéria na CCJ, senadora Lúcia Vânia (PSDBGO), disse que o projeto altera o Código Civil (lei 10.406/02). A senadora ressaltou que, por meio dessa proposta, o Legislativo dá continuidade a uma política de aperfeiçoamento dos mecanismos de incentivo à união matrimonial, a exemplo do esforço para tornar gratuitos os procedimentos relativos ao registro civil do casamento para pessoas mais necessitadas (Diário de Notícias 4803)

As primeiras democracias puras no Brasil


Professor Vasconcelos
A República do Brasil foi proclamada em 1889 e até hoje o povo é representado por políticos que não se importam com as opiniões do cidadão/eleitor. A democracia pura usa o conceito da participação popular como base de qualquer sistema de governo. No Brasil há duas iniciativas de democracia pura em Foz do Iguaçu, no estado do Paraná, com o Conselho dos 500 e o bairro de Cognópolis, com o objetivo de resolver seus assuntos e designar dirigentes em sua administração. Foi convencionado entre os seus fundadores, fazer a sociedade funcionar sob os princípios e sistemas da doutrina da democracia pura. De maneira que, a todos os moradores, proprietários ou não, foi concedido o direito de se auto-habilitar para discutir e aprovar os seus estatutos. Essa é a participação popular que temos que resgatar no Brasil. Em todas as nações com o regime de representação política aplicaram a solução do mais forte, não somente na política, mas em seu direito civil, abrangendo sindicatos, órgãos de classe (como a OAB), associações, etc; dando origem a disputas do poder com o emprego inclusive de propaganda agressiva e enganosa; tendo ocorrido até mesmo casos de homicídio, tal como aconteceu recentemente num sindicato em São Paulo. Hoje o mesmo esquema de luta, entre poderosos e oportunistas na política, é também adotado em todas as associações. Em palavras conclusivas, a experiência de democracia pura nessa comunidade deixa antever a forma racional como as pessoas podem diretamente resolver seus assuntos com a ajuda precisa e veloz da internet, eliminando-se o primitivismo dos métodos de eleição e dispositivos da democracia representativa e a falácia da fictícia representação. De qualquer forma, observa-se que essa experiência demonstra quão viável e racional é o funcionamento da democracia pura, podendo ser facilmente implantada em um país como o Brasil.
Professor Vasconcelos é advogado, filósofo e autor do livro “Democracia Pura”, publicado pela editora Nobel. (Diário de Notícias 4803)

15/11/2010

Eleição de diretoria da Câmara de Laranjeiras: Brasilina(PTdoB) x Luciano(PMDB)

A eleição de diretoria da Câmara de Vereadores de Laranjeiras na qual tem como presidente atual a vereadora Brasilina Borges(PTdoB), será realizada nesta terça, dia 16 as 17 horas no plenário. O vereador Luciano da Várzea (PMDB) lançou seu nome e segundo bastidores tem boa cotação para ser eleito. Há indícios de que Brasilina Borges (primeira a direita) que já presidiu a Câmara por vários mandatos, desistiu em virtude de não ter números suficientes para compor a chapa e ganhar a eleição.

Ela faz parte do grupo de Ione Sobral que busca somar forças mas só adquiriu o vereador Mauro. O vereador Luciano tem o apoio das lideranças do PMDB através do vice-prefeito Juca e o ex-deputado Marcos Franco. A torcida para a queda de Brasilina é grande mesmo porque ela está no mandato há vários anos e "deixou muito a desejar", comentam os bastidores.  

13/11/2010

Novembro é o mês que se comemora a Proclamação da República e o Dia da Bandeira do Brasil

A criação da data foi em razão da Proclamação da República, no dia 15 de novembro de 1889, onde a mesma foi apresentada. O Decreto número 4 deu legitimidade à bandeira, como símbolo nacional.
A primeira bandeira do Brasil foi criada em 18 de setembro de 1822, mas como não era oficial, perdeu lugar para o novo modelo. Mas a primeira bandeira hasteada em solo brasileiro foi a da Ordem de Cristo, vinda de Portugal.
As bandeiras têm diferentes significados e representam coisas distintas, como grupo, cidade, estado, país, instituição comercial, time de futebol, mas podem apresentar elementos comuns.
Os países, por exemplo, são representados por bandeiras e essas trazem o número de estados que o mesmo possui, além das cores, que possuem significados comuns. Geralmente o azul é a cor que simboliza a nobreza, já o vermelho representa os movimentos revolucionários.
O Brasil já teve vários modelos de bandeiras ao longo dos seus 509 anos de existência. No atual, o verde simboliza nossas matas, o azul nosso céu, o amarelo nossas riquezas, as estrelas são os estados do país e o branco a paz. Este modelo foi criado por Raimundo Teixeira Mendes e Miguel Lemos.
As primeiras bandeiras foram vistas nas antigas civilizações, onde os povos as utilizavam para representar seus exércitos, os responsáveis pela defesa do país. Serviam para evitar que os exércitos fossem confundidos com outras armadas. Isso fez com que se evitassem a morte de centenas de soldados, pois os exércitos aliados conseguiam identificar os grupos de soldados que não eram seus inimigos. (Brasil Escola)

12/11/2010

Gabarito do tão polêmico enem 2010 saiu!

Depois de tanta polêmica a respeito do Enem 2010, o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) divulgou no início da noite desta sexta-feira o gabarito do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).
Vale ressaltar que as questões têm pesos diferentes. Acertar um número 'X' de itens não significa que você alcançou a pontuação 'X'. As provas são corrigidas pela Teoria de Resposta ao Item (TRI). As notas dos candidatos serão publicadas apenas em janeiro.
O gabarito deveria ter sido divulgado na terça-feira, mas havia sido impedido pela liminar da Justiça Federal do Ceará que suspendia o Enem. Nesta sexta-feira, o recurso da Advocacia Geral da União (AGU) contra a liminar foi acolhido e o Inep pôde divulgar os resultados. vejas as provas do gabarito acessando http://www.enem.inep.gov.br/provas.php

11/11/2010

Acontecerá em Laranjeiras uma coisa que jamais alguem imaginaria: Cursos profissionalizantes dentro de carretas!

Foi numa reunião do Conselho Comunitário da Votorantim Cimentos em Laranjeiras que ficamos sabendo disso. São várias carretas que chegarão e fornecerão vários cursos gratuitos a população laranjeirense. Essa não era de se esperar! Coisas assim a gente pensa logo que se trata de época política onde os candidatos pensando em conseguirem cotos fazem de tudo e se fosse em política não era de estranhar! Mas o inesperado irá mesmo acontecer em Laranjeiras. Trata-se do "Programa de Interiorização", falou Sabrina - uma das responsável pela implantação desse projeto. O curso terá duranção de 40 dias e será dentro das carretas que tomarão lugares em nossa cidade por esses dias.  Sabrian falou ainda da possibilidade de gerar renda para o município uma vez que os motoristas ficaram em alojamento ou pousadas bem como toda a alimentação disponíveis para os mesmos. A Votorantim-Cimentos lançará mão do projeto provavelmente em março de 2011 numa parceria com o Senai e a prefeitura local. Uma observação já ficou antecipada: Esse projeto não seguirá para os povoados uma vez que eles não comportam as carretas. As carretas ficarão em pontos estratégicos de Laranjeiras tais como a Praça de Eventos e outros locais de livre acesso da comunidade. Mas que todos os jovens poderão fazer sua inscrição e está sendo discutido a possibilidade da Prefeitura disponibilizar transportes para os inscritos que moram nos povoados.

09/11/2010

DPU pede anulação das provas do Enem 2010


A Defensoria Pública da União (DPU) vai recomendar ao Ministério da Educação (MEC) a anulação das provas aplicadas sábado (6), primeiro dia do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Se, no prazo de dez dias, contados desde ontem, o governo não acatar o pedido e definir uma nova data para reaplicar o exame, o órgão ajuizará uma ação civil pública contra a pasta.
As provas aplicadas a 3,3 milhões de candidatos apresentaram erros que podem prejudicar os estudantes. Vinte e um mil cadernos de prova amarelos apresentaram erro de montagem e não continham todas as 90 questões aplicadas nos sábado (6). Não se sabe ainda quantos candidatos foram prejudicados por esse problema, já que em cada local de aplicação há uma reserva técnica de 10% dos exames que permitiria a troca do material defeituoso.
O MEC estuda reaplicar a prova de sábado aos candidatos que tenham sido lesados pelo erro na montagem do caderno amarelo. “A solução do MEC quebra a isonomia e por isso é necessário anular a prova de sábado”, avaliou ontem o defensor públicofederal RicardoEmílio Salviano, em entrevista coletiva. Também no sábado, a folha em que os estudantes marcam as respostas das questões estava com o cabeçalho das duas provas trocado. O exame teve 90 questões, sendo a primeira metade de ciências humanas e o restante de ciências da natureza. Mas, na folha de marcação, as questões de 1 a 45 eram identificadas como de ciências da natureza e as de 46 a 90, como de ciências humanas. Perguntado se a ocorrência de problemas no Enem pelo segundo ano consecutivo diminui a credibilidade do exame, Salviano disse que são “falhas pontuais”. “As falhas anteriores [roubo das provas em 2009] não foram detectadas agora. Com o tempo, as medidas irão se aperfeiçoar.” A defensoria pede que os alunos prejudicados entrem em contato com o órgão pelo e-mail enem2010@dpu.gov.br. O candidato deve incluir o seu nome, a localidade em que fez o Enem e as orientações recebidas ou não pelo fiscais de sala sobre as falhas constatadas. (Diário de Notícias 4800)

Justiça do Ceará proibe a divulgação do gabarito do enem


08/11/2010

Prefeitura de Laranjeiras coloca ônibus para levar candidatos do enem mas excluiram outros!

A Prefeitura Municipal de Laranjeiras colocou dois ônibus dos estudantes a diposição dos candidatos do Enem para levá-los até os seus locais de origem das provas. Não houve anuncio de que a prefeitura teria facilitado esse serviço para os candidatos e em razão disso muitos ficaram de fora. Segundo informações, havia uma lista e somente quem estava nela é que podia entrar no ônibus. Laranjeiras se inscreveram para as provas do Enem mais de 200 pessoas e apenas a metadade dos inscritos tiveram acesso ao transporte gratuito. Qual critério usaram para a inscrição ninguém sabe. O que se sabe é que isso discriminou a outra parte que não tiveram o acesso porque não houve anuncio e a forma de inscrição ninguem sabe até hoje. Conversando com uma pessoa que fez uso do ônibus o serviço ficou restrito apenas para o pessoal do Colégio Estadual Professora Zizinha Guimaraes, em Laranjeiras. Um absurdo, deixando os demais fora do acesso aos ônibus. 
Por falar em Enem, no primeiro dia de prova, no sábado, surgiram vários problemas nos cadernos. Tinham questões repetidas entre outros problemas que tiravam a concentração do candidato. Muitas pessoas também deixaram de fazê-lo em virtude do horário de verão e por relaxamento no transporte. O primeiro dia das provas foi tido como um dia muito tenso. Já no segundo dia, no domingo, a evasão foi maior, talvez pela descrenca vista no primeiro dia se tratando do caderno amarelo. Falando em caderno amarelo quem o pegou no domingo, ficou um pouco constrangido pelo ocorrido no sábado. Tudo isso motivou uma ação que, até então, paralisa o Enem em todo Brasil. 
Essa é uma situação muito chata para os candidatos, primeiro porque os estudantes investiram muito em conhecimentos o tempo todo até as provas e segundo porque o tempo é dinheiro e os gastos foram grandes nos dois dias com passagens, canetas, água de beber e alguns lanches que fizeram por conta do Enem. Agora estão vendo tudo desabar, em outras palavras, o Enem ser cancelado! Vamos torcer que tudo dê certo, mas o que não pode acontecer é alguem ficar no prejuízo.

05/11/2010

Quem incendiou os três ônibus em Laranjeiras agora tem prazo de 10 dias para defesa

Processo: acusados terão prazo para defesa
Nove pessoas foram denunciadas por conta da queima de três ônibus

As nove pessoas denunciadas em juízo, por causa da queima de três ônibus e a invasão do prédio da Prefeitura da cidade de Laranjeiras -  identificadas como Antonio Cleber Santana dos Santos, Ginaldo Alcides dos Santos, Iêda Oliveira da Cruz, Jelman Vagner Oliveira da Silva, Jose Nelson Santos Madureira, Josue Menezes Cruz, Maria Rosana dos Santos, Ruiter Alves da Cruz e Valdemir dos Santos Mateus,- terão o prazo de 10 dias para apresentar defesa.
De acordo com o promotor de Justiça do município de Laranjeiras, Walter César Nunes Silva, o mandado já foi expedido. “Serão ouvidas as partes, para dar prosseguimento ao processo. Elas já receberam o mandado e dentro do prazo estabelecido deverão se pronunciar”, explica.
No último dia 9 de agosto, a população revoltada com as condições do transporte do município, realizou um protesto, queimando três ônibus e invadindo o prédio da Prefeitura. A manifestação começou às 5h, quando os três primeiros ônibus que fazem o trajeto daquela cidade a Aracaju quebraram. Diversas pessoas que estavam no local, decidiram reagir e atearam fogos nos veículos. As chamas só cessaram com a chegada de dois carros do Corpo de Bombeiros. (Infonet.com.br)

04/11/2010

Dilma vai ser ouvida na indicação de ministro do STF, diz Lula


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a quem cabe indicar o 11º ministro do Supremo Tribunal Federal, disse ontem que a presidente eleita Dilma Rousseff participará das conversas sobre o futuro escolhido para a Suprema Corte e terá inclusive a possibilidade de vetar um nome aventado por Lula. “Sobre o ministro do STF, achei prudente não indicá-lo antes de conversar com quem fosse eleito. Eu quero propor para ela, para dizer se ela quer ou não (determinado nome)”, disse o presidente, justificando ouvir Dilma pelo fato de que o novo ministro irá julgar processos durante sua gestão no Executivo Federal.
A ausência do 11º ministro foi sentida, por exemplo, quando o Supremo não conseguiu, no final de setembro, chegar a um veredicto no julgamento que envolve a validade e abrangência da Lei da Ficha Limpa. Ao longo de dois dias, os atuais dez ministros da Suprema Corte - Eros Grau se aposentou em agosto – se dividimirian  ram sobre a aplicação da legislação sobre regras de inelegibilidade já no pleito de outubro, não conseguindo chegar a nenhuma decisão final sobre o caso.
Em outra circunstância, envolvendo a Lei da Ficha Limpa e o deputado Jader Barbalho, houve novo empate em cinco a cinco, o que culminou com a decisão provisória de que estaria inelegível quem renunciasse a um mandato eletivo para evitar processo de cassação. A chegada do novo magistrado ao STF, no entanto, poderia mudar o entendimento da instância judicial máxima do País sobre a Lei da Ficha Limpa. (Diário de Notícias 4798)

Califórnia diz ‘não’ à legalização da maconha

Os eleitores da Califórnia rejeitaram ontem nas urnas a legalização da maconha, durante as eleições de meio de mandato, vetando a proposta que tornaria o estado o primeiro local do mundo a equiparar o cultivo, comércio e consumo da droga ao do álcool e do cigarro. A Proposta 19, apresentada aos californianos junto com o pleito que renovou a Câmara dos Representantes, um terço do Senado e a maioria dos governadores, foi rejeitada por 56,8% dos eleitores, contra 43,2% que votaram a favor, segundo os últimos resultados. O cultivo e a venda de cannabis com fins medicinais são legalizados na Califórnia desde 1996. De acordo com os principais incentivadores da campanha, a iniciativa da Proposta 19 pode ser considerada um passo adiante, apesar da derrota, por ter despertado um debate nacional e internacional sobre o tema. “O fato de que milhões de californianos tenham votado pela legalização da maconha é uma tremenda vitória”, disse Richard Lee, que defendeu a proposta. “Quebramos o gelo. A Proposta 19 mudou os termos do debate e isso era um objetivo estratégico importante”, indicou, acrescentando que, em 2012, o apoio certamente será maior. A lei permitiria que maiores de 21 anos portassem até uma onça (28,35 gramas) de maconha e cultivassem até uma superfície máxima de 2,34 metros quadrados da erva. Os defensores da legalização da maconha argumentaram durante a campanha que esta seria uma forma eficaz de combater o tráfico de drogas e criar uma inovadora forma de negócio, além de, sobretudo, uma grande fonte de arrecadação de impostos neste estado conhecido pelo bilionário déficit fiscal. A legalização foi rejeitada “porque algumas das pessoas que a apoiam continuam nervosas sobre esta iniciativa específica, nervosos sobre como vão responder ao governo federal”, estimou por sua vez Ethan Nadelmann, diretor da Drug Policy Alliance, associação que milita pela descriminalização das drogas. O projeto de lei foi criticado abertamente pelos presidentes da Colômbia, do México e de nações da América Central, que temiam o impacto da medida em seus países - produtores de maconha – e na política antidrogas de Washington em relação ao exterior. “Legalizar a maconha, principalmente quando isso é feito a nível local ou de maneira unilateral e isolada no contexto internacional, não diminuirá a violência no México”, afirmou ontem o porta- voz do governo mexicano para assuntos de segurança nacional, Alejandro Poiré. “Ao contrário, a medida gera mais estímulos econômicos para os criminosos porque ampliaria o mercado do maior país consumidor de drogas do mundo”, completou. A campanha a favor da legalização da cannabis na Califórnia arrecadou mais de quatro milhões de dólares, doados por personalidades como o investidor George Soros e os fundadores da rede social Facebook, Dustin Moskovitz e Sean Parker. Figuras do mundo do espectáculo, como o ator Danny Glover, a cantora Melissa Etheridge e o humorista Hal Sparks também defenderam a iniciativa.(Diário de Notícias 4798)

01/11/2010

“Até logo... estamos apenas começando uma luta de verdade”, fala José Serra em seu pronunciamento.


A subida nos votos de Jose Serra foi impressionante! Diferentemente do 1º Turno – onde as pesquisas mostraram ele lá embaixo e sendo ajudando por Marina sua ida para o 2º Turno, ele mostrou que as pesquisa não deram resultados como mostravam. Se as pesquisas dissessem que ele perderia a eleição seria um ponto positivo, mas Serra conseguiu aderir amigos, aliados e chegou perto. Mostrou forças mesmo perdendo a eleição.  Quem pensou que estava fraca, a oposição está bastante forte do ponto de vista político. Nesse sentido, Serra deu um “até logo....” querendo dizer: nos veremos novamente Presidência da República! Uma outra coisa que chamou a atenção de quem estava ouvindo seu pronunciamento foi “... estamos apenas começando uma luta de verdade”.
Em seu discurso de reconhecimento da derrota para a presidenta eleita Dilma Rousseff (PT), o candidato do PSDB, José Serra, agradeceu ao povo brasileiro pelos 43,6 milhões de votos e aos aliados. Serra, no entanto, deixou de fora de sua fala o senador eleito Aécio Neves (PSDB-MG). Ao chegar ao comitê, onde fez o pronunciamento, Serra chorou e abraçou militantes. No pronunciamento, Serra citou nominalmente diversas lideranças tucanas, mas ignorou Aécio Neves. O ex-governador mineiro foi duramente criticado nos bastidores da campanha porque não teria se empenhado na eleição de Serra em Minas, onde a diferença entre a petista e o tucano chegou a cerca de 20 pontos percentuais. Serra cumprimentou Dilma pela vitória e desejou que faça um bom governo. “Recebemos com respeito e humildade a voz do povo nas urnas”, disse. Ao seu lado estavam lideranças tucanas como o presidente do partido, Sérgio Guerra, e o governador eleito de São Paulo, Geraldo Alckmin, além do presidente do DEM, Rodrigo Maia, e seu vice, Indio da Costa (DEM-RJ). Ao ressaltar que 10 governadores que o apoiaram foram eleitos, o tucano demonstrou que pretende fazer oposição forte ao governo Dilma. “Vamos dar nossa contribuição ao País como indivíduos, governadores e parlamentares (...) Para os que nos imaginam derrotados, estamos apenas começando uma luta de verdade”, disse. Alckmin ganhou atenção especial. “(Alckmin) Ele se empenhou na minha eleição mais do que se empenhou na sua, sinceramente”, cumprimentou. Em seu discurso na sede do comitê de campanha na capital paulista, Serra também sugeriu que poderá tentar novamente o cargo. “Quis o povo que não fosse agora (...) Minha mensagem de despedida não é um adeus, mas é um até logo”, afirmou. Serra finalizou seu discurso de cerca de 15 minutos recitando o último verso do Hino Nacional. Foi acompanhado pelos militantes que o aguardavam desde o início da tarde no comitê. Alguns, mais emocionados, chegaram a chorar.
FHC
Depois de agradecer um por um cerca de 20 pessoas que ajudaram em sua campanha, Serra foi lembrado por um militante de citar o nome do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Surpreso, Serra perguntou se ele estaria presente. Informado de que o ex-presidente acompanhava o pronunciamento de casa, Serra disse que os dois estiveram juntos neste domingo.
O nome de Indio da Costa também quase ficou de fora da lista de Serra. Ao ser incitado a falar do vice, Serra brincou: “Atendendo a pedidos...”. O presidenciável derrotado agradeceu a Sérgio Guerra, ao governador Alberto Goldman, Geraldo Alckmin e seu vice, Guilherme Afif, o senador eleito Aloysio Nunes Ferreira, o presidente do PPS, Roberto Freire, o presidente do DEM, Rodrigo Maia, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, sua mulher Monica e seus filhos Veronica e Luciano, o presidente estadual do PSDB, Mendes Thame, o coordenador de campanha Henrique Reis Lobo, seus assessores Marcio Aith e Paula Santa Maria, a coordenadora de internet Soninha Francine, o candidato derrotado ao governo de Pernambuco Jarbas Vasconcelos (PMDB), seus amigos Andrea Matarazzo, Marcio Fortes e Sérgio Freitas.