ATENÇÃO: TDOAS AS SEXTAS, AS 14H00, NA SEDE DA ASSOCIAÇÃO DO POVOADO MACHADO EM LARANJEIRAS - SERGIPE, VEM ACONTECENDO A REUNIÃO DO FORTALECIMENTO ESPIRITUAL. SE VOCÊ TEM INTERESSE EM MUDAR A SUA VIDA, PARTICIPE DESSAS REUNIÕES!!!

28/10/2017

Alguém precisa fazer alguma coisa em relação ao mal cheiro que vem circulando na cidade de Laranjeiras

Continua o forte cheiro  uma mistura de enxofre e caxixe. Isso pode afetar a saúde dos moradores!

Mais uma vez na madrugada desse sábado, moradores de Laranjeiras tiveram que suportar o forte cheiro de odor  uma mistura como se fosse de enxofre e dejetos da produção da cana de açúcar, como se falam popularmente, o Caxixe.
Ontem divulgamos o forte cheiro e hoje por volta  das 5h00 até as 7h00 da manhã notou-se o cheiro novamente. Dessa vez mais forte, onde moradores atribuíram que o cheiro forte estava vindo da Usina São José do Pinheiro, as margens de Laranjeiras, e não da Cimesa  como assim foi divulgado.

O presidente da Associação de Moradores do Machado enviou um ofício para a Cimesa procurando resposta sobre o cheiro e não obteve retorno até esse momento.
Ele agora vai enviar um ofício para a Secretaria de Meio Ambiente do Municicio para que esta possa averiguar através de técnicos esse acontecimento que não pode continuar acontecendo. A população é quem vem sofrendo e esperamos que problema como esse possa ser resolvido o quanto antes, pois não sabemos a gravidade desse forte cheiro, pois, ele pode esta afetando a saúde das pessoas.
Se for a Fábrica de Cana de Açúcar, é de competência dos poderes investigar; se for o pó de cimento, é de competência dos poderes investigar. O que não pode é o povo logo de manhã cedinho ficar sentindo esses fortes cheiros que incomodam qualquer pessoa.

“Seja quem for o culpado por circular esse odor horrível, ele deve ser responsabilizado pelos danos e constrangimentos que estão causando a sociedade”, disse o presidente da Associação, o Sr. Carlos Alberto, acreditando que tudo pode ser resolvido, bastando tão somente as pessoas se alertarem e lutarem pelos seus direitos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário