FELIZ NATAL PRA TODOS E UM ANO DE 2017 CHEIO DE PAZ, AMOR E MUITA PROSPERIDADE JUNTO AO PAI CELESTRE: NOSSO DEUS TODO PODEROSO!!!

03/10/2014

Serra Leoa tem 5 novos infectados por ebola a cada hora, diz ONG

Cinco novos casos de ebola são diagnosticados por hora em Serra Leoa e não há leitos suficientes para os doentes no país, alertou a ONG Save the Children.
Segundo a organização, existem apenas 327 leitos hospitalares no país, mas 765 novos casos do vírus foram notificados na semana passada.
A Save the Children diz que o número de novos casos de ebola dobra a cada três semanas, uma "taxa assustadora" para a organização.
Esta é a pior epidemia de ebola já registrada. Até agora, 7.178 pessoas foram contaminadas e 3338 morreram nos países afetados - a situação é mais grave em Serra Leoa, na Libéria e na Guiné.
A ONG disse que a doença se espalha tão rápido que, quando surgem novos casos em uma área e as autoridades de saúde concentram seus esforços nela, a epidemia se espalha para outra região.
Segundo o serviço de informações Afri.Dev Info, Serra Leoa, com uma população de cerca de 6 milhões de pessoas, tem 136 médicos, 1.017 enfermeiras e parteiras e 114 farmacêuticos.

A escalada da doença também está sendo "massivamente não notificada", de acordo com a organização, porque "um número incontável de crianças morrem anonimamente em casa ou nas ruas".
No início deste mês, a Grã-Bretanha disse que iria construir instalações para 700 novos leitos em Serra Leoa. Mas a primeira enfermaria só ficará pronta em semanas, e as outras podem levar meses.
A Save the Children diz que se a comunidade internacional não assumir sua responsabilidade as pessoas vão continuar a morrer em casa, possivelmente contaminando suas famílias e comunidade.
"Estamos enfrentando a perspectiva assustadora de uma epidemia que está se espalhando como fogo em Serra Leoa, com o número de novos casos duplicando de três em três semanas", disse Rob MacGillivray, diretor da instituição de caridade em Serra Leoa.
A OMS disse na quarta-feira que testes de segurança para duas vacinas experimentais estão sendo realizados no Reino Unido e nos Estados UNidos, e serão expandidos para dez locais na África, Europa e América do Norte nas próximas semanas.
Ele disse que espera iniciar a utilização em pequena escala das vacinas experimentais na África Ocidental no início do próximo ano.
Conferência
Nesta quinta-feira, uma conferência organizada pelos governos da Grã-Bretanha e de Serra Leoa em Londres irá discutir o que a comunidade global pode fazer para dar uma resposta internacional efetiva à epidemia.
O encontro será presidido pelo ministro do Exterior britânico Philip Hammond, que disse esperar que a reunião "aumentasse a conscientização sobre a doença e sobre o que é necessário para contê-la, incentivasse compromissos ambiciosos e mostrasse a nossa solidariedade com Serra Leoa e a região."
No entanto, segundo o correspondente da BBC Mark Doyle, é improvável que o presidente de Serra Leoa, Ernest Bai Koroma, possa comparecer ao evento. De acordo com informações vindas da capital do país, Freetown, o avião britânico enviado para buscar o presidente teve uma falha técnica.

Fonte: bbc

Nenhum comentário:

Postar um comentário